Assine hoje e tenha acesso completo ao Stoodi com até 70% de desconto.

Ver planos

Banco de Exercícios

Lista de exercícios

Quer colocar o estudo em prática? O Stoodi tem exercícios de Renascimento Cultural dos maiores vestibulares do Brasil.

Estude História com esses e mais de 30000 que caíram no ENEM, Fuvest, Unicamp, UFRJ, UNESP e muitos outros vestibulares!

Gerar PDF da Página

Conteúdo exclusivo para assinantes

Assine um de nossos planos para ter acessos exclusivos e continuar estudando em busca da sua aprovação.

Ver planos

  1. 61

    UPE 2011

    O movimento Renascentista europeu permitiu a descoberta do “homem” como o centro do saber, despertando interesse pelo prazer, pela alegria e pelo amor. Época dos avanços culturais, científicos e de magníficas obras de arte, construções de pureza, sensualidade, caridade e ódio. Sobre a Renascença, é CORRETO afirmar que

  2. 62

    FUVEST 2008

    Nos séculos XIV e XV, a Itália foi a região mais rica e influente da Europa. Isso ocorreu devido à

  3. 63

    FATEC

    Sobre o Renascimento científico é correto dizer:

  4. 64

    UFLA 2012

    Parece lícito ainda hoje supor que ocorreram certas transformações bastante significativas nas sociedades europeias ao longo dos séculos XV e XVI (...). Afinal, nem a modernidade propriamente dita, tal como nós hoje a identificamos, instaurou-se naquela época, nem se processou uma ruptura completa e abrupta entre a cultura medieval e a moderna. Fonte: FALCON, F.; RODRIGUES, A. E. A formação do mundo moderno. Rio de Janeiro: Campus, 2006. p. 2.   Referem-se a “certas transformações bastante significativas” nas sociedades europeias, ao longo dos séculos XV e XVI, EXCETO:

  5. 65

    UEL 2010

    A invenção da perspectiva matemática, ou “perspectiva exata”, em que todos os pontos do espaço retratado obedecem a uma norma única de projeção, a técnica do “olho fixo”, possibilita observar o espaço como que através de um instrumento ótico e define as proporções dos objetos e do espaço entre eles em relação a esse foco visual. (Adaptado de: SEVCENKO, N. O Renascimento. São Paulo: Atual; Campinas: Unicamp, 1985. p. 30.)   Com base no texto e nos conhecimentos sobre a perspectiva matemática, assinale a alternativa correta.

  6. 66

    UFU 2002

    “Sempre que se evoca o tema do Renascimento, a imagem que imediatamente nos vem à mente é a dos grandes artistas plásticos e de suas obras famosas (...) as artes plásticas acabaram se convertendo num centro de convergência de todas as principais tendências da cultura renascentista. E, mais do que isso, acabaram espelhando, através de seu intenso desenvolvimento nesse período, os impulsos mais marcantes do processo de evolução das relações sociais e mercantis.” SEVCENKO, Nicolau. O Renascimento. São Paulo: Atual, 1994, p. 25. De acordo com o trecho acima, o papel central das artes plásticas na cultura renascentista está relacionado aos “impulsos mais marcantes do processo de evolução das relações sociais e mercantis”, porque I - expressavam o caráter sacro e piedoso do humanismo, revalorizando a tradição medieval e procurando reconciliar razão e fé, que se encontravam dissociadas a partir do predomínio do racionalismo burguês nas transações mercantis. II - expressavam o desejo da nascente burguesia de construir uma nova imagem da sociedade em que ela teria papel central, contrapondo-se aos valores da sociedade medieval que privilegiavam o clero e a nobreza. III - expressavam o ideal de beleza relacionado ao sentido de permanência atemporal, imutável, tomado de empréstimo às artes do mundo antigo e que serviam como contraponto à velocidade e intensidade das inovações e transformações vividas pelas sociedades européias modernas. IV - expressavam como a cultura tornou-se um campo de luta privilegiado, onde a produção artística deveria transmitir valores e princípios importantes para a consolidação da sociedade moderna, como o antropocentrismo, a razão, a positividade da riqueza material, o desejo de conhecimento e domínio sobre a natureza e sobre o espaço geográfico. Assinale a alternativa que contém as afirmativas corretas.

  7. 67

    MACKENZIE 1996

    O Humanismo foi um movimento que não pode ser definido por:

  8. 68

    UNIFESP 2006

    Relatório de um magistrado sobre o alegado suicídio de Richard Hun, na prisão da Torre de Londres, em 1515: Todos nós, os do inquérito, encontramos o corpo do dito Hun suspenso dum gancho de ferro por uma faixa de seda, de expressão calma, cabelo bem penteado, e o boné enfiado na cabeça, com os olhos e a boca simplesmente cerrados, sem qualquer pasmo, esgar ou contração... Pelo que nos pareceu absolutamente a todos nós que o pescoço de Hun já estaria partido e grande quantidade de sangue vertido antes de ele ser enforcado. Pelo que todos nós achamos por Deus e em nossas consciências que Richard Hun fora assassinado.   O documento revela a

  9. 69

    UFV 2010

    Nicolau Maquiavel é uma das figuras centrais do pensamento político da Renascença. Em sua obra cruzamse os dilemas políticos concretos de seu tempo e a reflexão teórica sobre a natureza da atividade política. Das alternativas abaixo, assinale aquela que corresponde à combinação CORRETA de motivações e influências intelectuais da obra de Maquiavel:

  10. 70

    UEMA 2010

    A época cognominada de “moderna” é usualmente compreendida entre os séculos XV e XVIII, e sua compreensão é polissêmica, ou seja, possui vários significados, dentre eles, pode-se conceber: I - Representou a ultrapassagem da Europa ante às sociedades que lhes eram paralelas, pelos significados do Renascimento e Iluminismo, pela construção dos Estados Modernos, pela expansão ultramarina, pela constituição do capitalismo. II - Representou o “desencantamento” do mundo europeu, ou seja, com a construção dos Estados Modernos a política passa a ser a nova engenharia social em que “magia”, “honra”, “bravura” cedem espaço à racionalidade, individualidade e competitividade. III - Representou discursivamente a vitória do cientificismo em relação ao dogma religioso cristão medieval, o surgimento da nova economia atrelada ao estado, o surgimento do capitalismo como sistema jurídico, político, social e cultural redesenhando as relações sociais e os paradigmas medievais, como trabalho, tempo e riqueza. IV - Ressignificou o papel da religião cristã com o Renascimento, estabelecendo uma fissura na teologia cristã católica com o advento da Reforma Protestante, alterando a percepção de tempo-espaço com a descoberta do novo mundo. V - Demarcou a ascensão do capitalismo modificando as antigas organizações campesinas, alterando as formas políticas de organização social, a ascensão de um ideal burguês de vida configurado na relação trabalho-religião a partir da eclosão da Reforma Protestante. Sobre os enunciados, pode-se afirmar:

  11. 71

    UFRGS 2014

    Os humanistas dos séculos XV e XVI procuraram validar os modelos antigos nas artes, na filosofia, na política, na literatura, desviando-se das derivações medievais. Nesse sentido, as inovações do Renascimento podem ser definidas como retomada de concepções antigas e criações inéditas.   Considere os seguintes autores e respectivas obras.   I - Maquiavel e a obra O Príncipe – Thomas Morus e a obra Utopia   II - Montaigne e a obra Ensaios – Rousseau e a obra O contrato social   III- Da Vinci e a obra Mona Lisa – Michelângelo e a obra Moisés     Quais são desse período?

  12. 72

    UEG 2005

    Quem deseja conservar suas conquistas deve ter em mente duas precauções: uma é extinguir o sangue do antigo príncipe; outra é não alterar suas leis e impostos. Desse modo, em tempo muito breve elas se integrarão ao principado antigo, formando um único corpo. MAQUIAVEL, Nicolau. O Príncipe.   O movimento cultural, filosófico e político que tomou conta da Europa a partir do século XV, chamado Renascimento, legou para nós, mulheres e homens do século XXI, a perspectiva de um mundo possível de ser apreendido através da razão. Um de seus mais destacados representantes, Nicolau Maquiavel, opõe à ética cristã tradicional um pragmatismo político justificável caso os objetivos traçados – a conquista do poder – sejam alcançados. Iniciava-se, assim, um longo processo que marcaria o fim da tutela teológica da Igreja nos mais diversos campos da sociedade europeia e que teria seu ápice no movimento iluminista, alguns séculos adiante.   Sobre esse processo de racionalização por que passou a Europa nesse período é INCORRETO afirmar:

  13. 73

    UEG 2002

    A transição do mundo medieval para a era moderna foi marcada por movimentos de cunho artístico e religioso, evidenciando um repensar da cultura da época. O Renascimento cultural, a Reforma protestante e a Contra-Reforma católica foram movimentos que marcaram o período de transição. Sobre os fenômenos mencionados acima, é INCORRETO afirmar que:

  14. 74

    UFJF

    Sobre o Renascimento, assinale a alternativa incorreta:

  15. 75

    UNIOESTE 2013

    “Queiramos ou não, o clima de nossas sociedades ocidentais sempre foi profundamente cristão. Atualmente se escolhe. Ser cristão ou não. No século XVI não havia escolha. Era-se cristão de fato. Mesmo não querendo, mesmo não entendendo claramente, todos, desde o nascimento, se encontravam imersos num banho de cristianismo, do qual não se escaparia nem na hora da morte”. In: FEBVRE, Lucien. O problema da incredulidade no século XVI. A religião de Rabelais. O trecho supracitado, fala do domínio da religião sobre a vida cotidiana no século XVI. Das alternativas citadas abaixo, assinale aquela que estiver INCORRETA.

  16. 76

    UFAM 2010

    “... a Renascença não constituiu um rompimento completo e súbito com a Idade Média. Muitos costumes e atitudes medievais persistiram nesse período. Entretanto, a tese de que a Renascença é o berço dos tempos modernos tem muito fundamento. Os próprios artistas e escritores tinham consciência de pertencer a uma nova época. Referiam-se aos séculos medievais como uma Idade das Trevas que se seguira ao esplendor da Grécia e Roma antigas, e acreditavam estar vivendo um reflorescimento da grandeza cultural... Valorizavam o pleno desenvolvimento do talento humano e expressaram um novo entusiasmo sobre as possibilidades de vida neste mundo. Essa nova perspectiva marca a ruptura com a Idade Média e o surgimento da modernidade”. PERRY, Marvin. Civilização Ocidental. Uma História Concisa.   Ao reconhecer que o movimento renascentista foi um dos caminhos mais significativos para a Modernidade, identifique a alternativa correta a partir das proposições abaixo: I. A Renascença acentuou a importância do indivíduo, ao enfatizar a consciência individual em detrimento da autoridade clerical, insistindo na relação pessoal entre cada homem ou mulher e Deus. II. O movimento intelectual mais característico da Renascença foi o Humanismo, um programa educacional e cultural estruturado na recuperação e estudo das antigas obras grecoromanas, pelo qual o conhecimento adquirido deveria circular mais amplamente e ser usado para o bem público. III. O expoente máximo do Humanismo renascentista foi François Rabelais, autor da obra Elogio da Loucura, que muito influenciou nas transformações políticas ocorridas na Holanda durante o século XVI. IV. O movimento humanista teve início com a publicação da obra Utopia, de Francesco Petrarca, cujo conteúdo versa sobre a eficácia da autocracia monárquica.

  17. 77

    UEMA 2013

    Das alternativas abaixo, marque aquela que apresenta o sentido de cultura elaborado pelos humanistas no Renascimento do século XVI.

  18. 78

    UNEMAT 2011

    O Renascimento pode ser caracterizado como uma tendência cultural laica, racional e científica, que se estendeu do século XIV ao XVI.   Sobre o Renascimento, assinale a alternativa incorreta.

  19. 79

    FCMMG 2006

    Na Renascença, os humanistas “cívicos” acreditavam que a defesa da liberdade e da justiça eram os valores supremos da vida política.   No entanto, os autores de “espelhos para príncipes” desenvolveram a tese de que

  20. 80

    UFV 2011

    O humanismo marca, no terreno das mudanças intelectuais, o início da chamada época moderna, podendo ser caracterizado como um movimento que:

  21. 81

    UFRGS 2016

    Em relação à história da Europa moderna, assinale a alternativa correta.

  22. 82

    UFF 2001

    Dentre os temas desenvolvidos pela cultura renascentista há um que se mantém presente até hoje - a utopia - despertando atenção, principalmente, em finais de século. Assinale a opção que se refere à ideia de utopia defendida no século XVI.

  23. 83

    UFAC 2008

    Levando em conta os itens a seguir, marque como alternativa correta, aquele que considerar como sendo consequência do Renascimento.

  24. 84

    PUC-RS 2013

    A renovação literária que se verifica no norte da Itália no século XIV, com as obras de Dante Alighieri (1265- 1321), Francesco Petrarca (1304-1374) e Giovani Boccaccio (1313-1375), é considerada um marco para o chamado Renascimento Cultural. Produzindo obras de transição para a cultura renascentista, esses autores NÃO

  25. 85

    UFG 2007

    Não houve preocupação com as conseqüências da revolução copernicana senão depois de Giordano Bruno ter extraído dela certas conseqüências filosóficas. Bem depressa Giordano Bruno estava a afirmar a infinidade do mundo. Rejeitava, pois, por completo, a noção de “centro do universo”. O Sol, perdido o lugar privilegiado que Copérnico lhe atribuía, era um sol entre outros sóis, uma estrela entre estrelas. DELUMEAU, Jean. A civilização do Renascimento. Lisboa: Editorial Estampa, 1994. p. 147. [Adaptado].   O texto acima refere-se à importância dos pronunciamentos de Giordano Bruno para a constituição da noção moderna de Universo, que se relaciona com

  26. 86

    UNICAMP 2016

    “Uma categoria inferior de servidores que coexiste nas grandes casas com os domésticos livres são os escravos. Um recenseamento enumera em Gênova, em 1458, mais de 2 mil. As mulheres estão em uma proporção esmagadora (97,5%) e 40% não têm ainda 23 anos. São totalmente desamparadas; todos na casa a repreendem, todos batem nela (patrão, mãe, filhos crescidos) e os testemunhos de processos em que elas comparecem mostram-nas vivendo, frequentemente no temor de pancadas. Em Gênova e Veneza, a escrava-criada é essencial no prestígio das nobres e ricas matronas.   (Adaptado de Charles De la Roncière,  “A vida privada dos notáveis toscanos no limiar da Renascença”, em  Georges Duby (org.), História da vida privada - da Europa feudal à Renascença, vol 2. São Paulo: Companhia das Letras, 1990, p. 235-236.)     Sobre o trabalho nas cidades italianas do período em questão, podemos afirmar corretamente que:    

  27. 87

    UFV 2012

    O Humanismo e o Renascimento significaram uma revolução no conhecimento do homem e do mundo, possibilitando o desenvolvimento das ciências, das artes e das técnicas de produção. Assinale dentre as alternativas abaixo aquela que NÃO corresponde a um grande nome e sua respectiva obra que marcaram esse período:

  28. 88

    UNICENTRO 2006

    Humanismo é o termo empregado para designar um movimento cultural surgido na Europa, caracterizado por apaixonado interesse pela Antiguidade clássica, isto é, greco-latina. Seus participantes eram intelectuais, não no sentido profissional, mas eruditos que, como afirmavam, descobriam nos textos gregos e romanos, esquecidos pela Idade Média, sabedoria e beleza. Sobre este movimento cultural, é correto afirmar:

  29. 89

    UNICENTRO 2004

    Algumas das 95 teses de Lutero “21. Erram os pregadores de indulgências quando dizem que pelas indulgências do papa o homem fica livre de todo o pecado e que está salvo. 33. Deve-se desconfiar daqueles que dizem que as indulgências do papa são um inestimável dom divino pelo qual o homem se reconcilia com Deus. 36. Qualquer cristão verdadeiramente arrependido tem plena remissão do castigo e do pecado: ela é-lhe devida sem indulgências. 86. Por que é que o papa [...] não constrói a Basílica de São Pedro com seu próprio dinheiro e não com o das suas ovelhas?” (Lutero. In: Vicentino, p. 198) A construção da Basílica de São Pedro, indicada no texto, representa

  30. 90

    MACKENZIE 1996

    Galileu Galilei (1564 - 1642) rompeu com as concepções medievais sobre a natureza do conhecimento, EXCETO por:

Gerar PDF da Página

Conteúdo exclusivo para assinantes

Assine um de nossos planos para ter acessos exclusivos e continuar estudando em busca da sua aprovação.

Ver planos