Tenha acesso completo aos conteúdos do Stoodi

Plano de estudos, exercícios, videoaulas, correção de redação e mais!

Exercícios de Segundo Reinado

Voltar para Segundo Reinado

Quer colocar o estudo em prática? O Stoodi tem exercícios de Segundo Reinado dos maiores vestibulares do Brasil.

Estude História com esses e mais de 30000 que caíram no ENEM, Fuvest, Unicamp, UFRJ, UNESP e muitos outros vestibulares!

Gerar PDF da Página
  1. 31. UNIPAM 2013
    Joaquim Nabuco foi diplomata, político, jornalista, orador, poeta e memorialista. Em sua obra clássica O Abolicionismo, afirma: “Para nós a raça negra é um elemento de considerável importância nacional, estreitamente ligada por infinitas relações orgânicas à nossa constituição, parte integrante do povo brasileiro. Por outro lado, a emancipação não significa tão somente o termo da injustiça de que o escravo é mártir, mas também a eliminação simultânea dos dois tipos contrários, e no fundo os mesmos: o escravo e o senhor.” (NABUCO, Joaquim. O Abolicionismo. Recife: Massangana, 1988).   No que concerne à condição do negro na sociedade brasileira, é CORRETO afirmar:
  2. 32. UFTM 2012
    No Brasil, os anos que se seguiram à Independência foram marcados por crises políticas e revoltas em várias províncias. A situação ganhou novos rumos com o Golpe da Maioridade, que pode ser caracterizado como 
  3. 33. FCMS-JF 2015
    O Segundo Reinado no Brasil perdurou de 1840 a 1889, sob a condução de Dom Pedro II. Entre as características deste período, são verdadeiras as seguintes afirmações:
  4. 34. UNICENTRO 2009
    As raças superiores têm um direito perante as raças inferiores. Há para elas um direito porque há um dever para elas. As raças superiores têm o dever de civilizar as inferiores [...] Vós podeis negar, qualquer um pode negar que há mais justiça, mais ordem material e moral, mais equidade, mais virtudes sociais na África do Norte desde que a França a conquistou [28 de julho de 1885]? (MESGRAVIS, 2010, p. 38) As ideias contidas no texto tiveram grande repercussão, no Brasil,  
  5. 35. UNICENTRO 2013
    Leia o texto a seguir. A construção de ferrovias e a navegação a vapor revolucionaram a economia inglesa entre 1840 e 1880, incrementando a produção da indústria pesada do ferro, do aço e do carvão. A acumulação de capitais tornou possível a concessão de empréstimos e investimentos do exterior, sendo as inversões em ferrovias um setor privilegiado. Muitas delas foram construídas com recursos financeiros, materiais, equipamentos e contratantes ingleses. Por volta de 1850, a economia cafeeira do Vale do Paraíba chegou ao auge. O problema do transporte foi em grande parte solucionado com a construção da estrada de ferro Dom Pedro II, mais tarde denominada Central do Brasil. (FAUSTO, B. História Concisa do Brasil. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado, 2001. p.109.) Com base no texto e nos conhecimentos sobre as transformações socioeconômicas no Segundo Império, assinale a alternativa correta.
  6. 36. UNICENTRO 2010
    No século XIX a mão-de-obra escrava já não correspondia às demandas do mundo capitalista, por isso foi abolido nas colônias européias. Assinale a alternativa correta.
  7. 37. UFMG 1999
    Considerando-se a questão do acesso à terra no período imperial, pode-se inferir que a Lei de Terras de 1850 obrigava à
  8. 38. ENEM PPL 2013
    A cessação do tráfico lançou sobre a escravidão uma sentença definitiva. Mais cedo ou mais tarde estaria extinta, tanto mais quanto os índices de natalidade entre os escravos eram extremamente baixos e os de mortalidade, elevados. Era necessário melhorar as condições de vida da escravaria existente e, ao mesmo tempo, pensar numa outra solução para o problema da mão de obra. COSTA, E. V. Da Monarquia à República: momentos decisivos. São Paulo: Unesp, 2010. Em 1850, a Lei Eusébio de Queirós determinou a extinção do tráfico transatlântico de cativos e colocou em evidência o problema da falta de mão de obra para a lavoura. Para os cafeicultores paulistas, a medida que representou uma solução efetiva desse problema foi o (a)
  9. 39. UNICENTRO 2013
    Leia, a seguir, um trecho de uma Carta Pastoral Coletiva, escrita em 1890: "Infelizmente, porém, é um fato: o Brasil não é mais uma potência católica! Que fazer nesse caso concreto, nesse novo regime, nesse novo modus vivendi que nos é imposto pela força das circunstâncias, no período perturbado e incerto que estamos atravessando?".   Considerando o documento histórico, assinale a alternativa correta.
  10. 40. PUC-CAMPINAS 2015
    “São Paulo, 13 de junho de 1929 Manu, três horas duma noite que além de ser noite de sábado, está de neblina formidável. Noite de sábado já é uma das coisas mais humanas de São Paulo, todos os húngaros, tchecos, búlgaros, sírios, austríacos, nordestinos saem passear (...)” (Carta de Mário de Andrade a Manuel Bandeira. In: MORAES, Marco Antonio (org). Correspondência. Mário de Andrade & Manuel Bandeira. São Paulo: EDUSP, 2001. p. 427)     A imigração de estrangeiros que se concentraram, sobretudo, nas regiões Sul e Sudeste do Brasil, ocorreu de forma intensa no período
  11. 41. UNIOESTE 2007
    A Guerra do Paraguai foi a mais longa, sanguinária e destrutiva das guerras que assolaram a América do Sul no século XIX. Iniciada em 1865, prolongou-se por cinco anos, terminando em 1870. Segundo Dionísio Cerqueira, um ex-combatente brasileiro: “Perdemos 100 mil dos nossos melhores irmãos, heróis ignorados; e quase consumamos o extermínio de um povo valoroso que soube defender heroicamente o solo sagrado de sua pátria.” (CERQUEIRA, D. Apud NADAI & NEVES, História do Brasil – 2º grau, São Paulo: Saraiva, 1995, p. 229). Sobre essa guerra, é correto afirmar:
  12. 42. UNIMONTES 2014
    O documento papal que deu origem à Questão Religiosa no Brasil, de certa forma enfraquecendo a monarquia brasileira, na segunda metade do século XIX, foi:
  13. 43. PUC-RS 2012
    A escravidão foi um dos grandes empecilhos para o desenvolvimento dos direitos civis no Brasil, pois negava a condição de humanidade para as pessoas consideradas escravas. Em 1888, finalmente, a escravidão foi abolida no país. É correto afirmar que a abolição da escravidão está associada
  14. 44. UFG 2009
    A partir de 1850, houve um decréscimo significativo na importação de escravos no Brasil. Essa situação está relacionada
  15. 45. UP 2015
    Em 1889 foi instalado no Brasil o regime republicano. A República no Brasil foi, em grande medida, obra da ação de alguns grupos sociais, com destaque para  
  16. 46. UPE 2012
    O Rio de Janeiro, no século XIX, vivenciou uma efervescência sociocultural marcante na história da então capital do império. Sobre essa realidade, assinale a alternativa CORRETA.
  17. 47. UFJF 2009
    Na segunda metade do século XIX e na primeira do século XX, a população brasileira tornou-se ainda mais diversificada do que antes. Além de brancos, índios, negros e mestiços, os imigrantes de diversas nacionalidades – especialmente alemães, italianos e japoneses - tornaram mais complexa a tarefa de construção da nação. Sobre esses fluxos migratórios e sua inserção na sociedade brasileira, é CORRETO afirmar que:
  18. 48. UNB 2015
    — Bem sei o golpe que o feriu; mas lá vão dois anos. Venho propor-lhe um contrato: vinte polcas durante doze meses; o preço antigo, e uma porcentagem maior na venda. Depois, acabado o ano, podemos renovar. (...) — Mas a primeira polca há de ser já, explicou o editor. É urgente. Viu a carta do Imperador ao Caxias? Os liberais foram chamados ao poder, vão fazer a reforma eleitoral. A polca há de chamar-se: Bravos à Eleição Direta! Não é política; é um bom título de ocasião. Idem, ibidem.     O trecho de texto acima, que faz alusão à substituição do Partido Conservador pelo Partido Liberal no comando do Conselho de Ministros, em 1878.   A respeito do sistema eleitoral do Brasil do Segundo Reinado, assinale a opção correta.
  19. 49. UECE 2009
    Considere a quadrinha popular, a seguir:   “Por subir Pedrinho ao trono Não fique o povo contente Não pode ser coisa boa Servindo com a mesma gente.”   Assinale a opção correspondente ao momento da história do Brasil a que esses versos se referem.
  20. 50. UNCISAL 2011
    A partir dos anos 70 do século XIX, teve início a decadência do Segundo Reinado, repleta de crises que desembocariam no movimento republicano de 1889. O desgaste do regime imperial pode ser atribuído a diversos fatores (...) (Cláudio Vicentino e Gianpaolo Dorigo, História do Brasil) Entre esses fatores, é correto considerar
  21. 51. UFJF 2013
    “Com a Abolição houve um deslocamento do poder político. Acelerou-se a decadência da oligarquia  tradicional que detivera o poder durante o Império e se identificara com a Monarquia. Abalaram-se os  fundamentos sociais do sistema monárquico no Brasil. No ano seguinte, era proclamada a República. O poder econômico concentrou-se nas áreas mais dinâmicas. No Oeste Paulista o café cultivado nas terras roxas produzia safras nunca vistas. Tinha-se aperfeiçoado os métodos de beneficiamento do café, construído ferrovias que revolucionaram o sistema de transportes e experimentava-se o trabalho livre. Formara-se um novo grupo social, uma nova oligarquia que irá controlar o poder político durante a Primeira República”. (COSTA, Emília Viotti da. Da Monarquia à República: momentos decisivos. 7. ed. São Paulo: UNESP, 1999. p. 340).     Além dos aspectos levantados acima, outros elementos também foram importantes no contexto da Proclamação da República:     I. A decisão monárquica de estabelecer o sufrágio universal. II. A decisão monárquica de investir diretamente na industrialização. III. O descontentamento dos militares com o governo monárquico. IV. A oposição dos bispos do Pará e Olinda ao governo imperial.     São CORRETAS as afirmativas:
  22. 52. UNICAMP 2012
    A política do Império do Brasil em relação ao Paraguai buscou alcançar três objetivos. O primeiro deles foi o de obter a livre navegação do rio Paraguai, de modo a garantir a comunicação marítimo-fluvial da província de Mato Grosso com o restante do Brasil. O segundo objetivo foi o de buscar estabelecer um tratado delimitando as fronteiras com o país guarani. Por último, um objetivo permanente do Império, até o seu fim em 1889, foi o de procurar conter a influência argentina sobre o Paraguai, convencido de que Buenos Aires ambicionava ser o centro de um Estado que abrangesse o antigo vice-reino do Rio da Prata, incorporando o Paraguai. (Adaptado de Francisco Doratioto, Maldita Guerra: nova história da Guerra do Paraguai. São Paulo: Companhia das Letras, 2002, p. 471.)   Sobre o contexto histórico a que o texto se refere é correto afirmar que:
  23. 53. UNAMA 2015
    “... cidade adiantada cuja população ordeira e progressista aprecia e cultiva todos os melhoramentos da civilização, Belém está no direito de exigir e impor o sistema de tração elétrica, para ver cessados de vez os inúmeros vexames a que está dia e noite exposta com o atual serviço”. (LEMOS, Antônio. O Município de Belém.Relatório. 1903,p.269)     No relato acima está presente a reclamação do intendente Antônio Lemos que, desde 1870, havia implantado alguns melhoramentos na cidade, de acordo com sua política do embelezamento da cidade.   A reclamação acima está focada na concessionária de serviços públicos Companhia Urbana da Estrada de Ferro Paraense pelo (a) / por  
  24. 54. UNCISAL 2009
    Gradualmente, a monarquia no Brasil foi perdendo legitimidade diante dos novos interesses e aspirações sociais que surgiram, principalmente a partir da década de 1870. Assinale a alternativa que caracteriza corretamente a crise do Segundo Reinado (1870-1889).
  25. 55. UNIMONTES 2012
    A Lei Euzébio de Queiroz (1850) contribuiu para um surto industrial, ainda que incipiciente, no Brasil, porque
  26. 56. UEG 2003
    O fim do tráfico negreiro no Brasil, em 1850, representou uma profunda mudança na economia brasileira, uma vez que impedia o desenvolvimento de um negócio que movimentava uma enorme soma de capitais. Acerca dessa conjuntura política e econômica, é CORRETO afirmar que
  27. 57. UNEMAT 2008
    Os problemas relacionados à posse e aquisição da terra no Brasil são seculares. Neste sentido, em 1850 foi criada a Lei de Terras regulamentando a questão. Com relação à referida lei, assinale a alternativa CORRETA.
  28. 58. UNB 2013
    Assinale a opção correta sobre a economia brasileira entre 1822 e 1889.
  29. 59. UECE 2016
    Em 1850, ano de extinção oficial do tráfico de escravos no Brasil, foi votada a Lei de Terras. Esta lei, em linhas gerais, determinou que   I. todo proprietário registrasse suas terras, ficando proibida a doação de propriedades ou qualquer outra forma de aquisição de bens fundiários, a não ser por meio da compra. II. se mantivesse o alto custo do registro imobiliário, impedindo que os posseiros mais pobres obtivessem a propriedade do solo onde plantavam. III. ficasse assegurado o direito dos imigrantes ― cujo trabalho, em muitos casos, substituiria o trabalho dos escravos ― de se tornarem proprietários das terras onde laboravam. IV. fossem possíveis a aquisição e a posse de terras públicas, a baixo custo, pelos grandes proprietários, seus herdeiros e descendentes.   Estão corretas as complementações contidas em
  30. 60. UPE 2013
    O século XIX é um período decisivo para a história brasileira. Além de testemunhar o início de sua vida política formalmente independente, ele presenciou o começo de inúmeras iniciativas que vêm influenciar formas espaciais existentes. A experiência brasileira contemporânea também indica um esforço notável no sentido de estabelecer uma política urbana de caráter compreensivo ao longo de todo o território nacional, com grande ênfase nas áreas metropolitanas. (...) A história brasileira não foi marcada pela existência de formas urbanas de civilização, como o foram o México, o Peru e as áreas da América Latina, caracterizadas por sofisticadas formas de cultura pré-colombiana, até a massiva exploração das minas de ouro em Minas Gerais, durante o século XVII. (SCHMIDT, Benício Viero. A modernização e o planejamento urbano brasileiro no século XIX. In: Revista Fundação de Economia e Estatística/FEE. http://revistas.fee.tche.br/index.php/ensaios/article/viewFile/84/414. Adaptado)   Sobre o processo de urbanização do Brasil no século XIX, assinale a alternativa CORRETA.
Gerar PDF da Página
Conta de email não verificada

Não foi possível realizar o seu cadastro com a sua conta do Facebook pois o seu email não está confirmado no Facebook.

Clique aqui para ver como confirmar sua conta de email no Facebook ou complete seu cadastro por aqui.

Entendi
Clicando em "Criar perfil", você aceita os termos de uso do Stoodi.
Tem perfil no Stoodi? Fazer Login