Quer ter acesso aos nossos resumos completos?

Assine o Stoodi e prepare-se para o ENEM com conteúdos exclusivos!

Resumo de Região Centro-Oeste - Geografia

Quer estudar Região Centro-Oeste? Aqui no Stoodi você encontra resumos grátis de Geografia que podem ser salvos em PDF para ajudar na sua preparação para o Enem e principais vestibulares.

AULA 1

Aspectos Naturais

Assistir aula

Planaltos e depressões

As características geológicas e geomorfológicas atuais da região Centro-Oeste são derivadas dos movimentos de formação do continente sul-americano há cerca de 150 milhões de anos.

  • Depressão Periférica: derramamentos basálticos, originados do vulcanismo;

  • Planície sedimentar: Pantanal;

  • Região marinha:mares interiores poderiam fazer parte das planícies sedimentares atuais.

 

Características naturais

  • Massas de ar:massa Equatorial continental (mEc), massa Tropical continental (mTc), massa Polar atlântica (mPa);

  • Climas quentes:tropical típico, tropical úmido;

  • Área de recarga: origem de cursos d’água e bacias hidrográficas na região.

    • Amazônica;

    • Tocantins-Araguaia;

    • Paraná;

    • Paraguai;

  • Predomínio de cerrados;

  • Formações complexas: Pantanal.

AULA 2

Aspectos Socioeconômicos

Assistir aula

Interiorização

Considerado mais lento em relação a outras porções do Brasil, o povoamento do Centro-Oeste está ligado aos diferentes ciclos de expansão econômica para o interior.

  • Bandeiras (séculos XVII/XVIII);

  • Mineração (século XVIII);

  • Pecuária;

  • Construção e transferência da capital do Brasil para Brasília (a partir de 1957);

  • Agropecuária moderna.

 

Características socioeconômicas

  • Urbanização elevada: cerca de 90% da população vive em áreas urbanas;

  • Articulações da rede urbana:

    • Complexo agroindustrial;

    • Expansão agropecuárialigada às commodities exportadas pelo Brasil;

  • Infraestrutura: articulação com outros mercados, especialmente por rodovias.

AULA 3

Povoamento e Interiorização

Assistir aula

Interiorização recente

Por ter ficado relativamente isolada do restante dos ciclos econômicos e de outras regiões de povoamento mais intenso, o Centro-Oeste teve um processo de interiorização mais elevado na segunda metade do século XX.

Fenômenos do povoamento no Centro-Oeste
EventoCaracterísticas
Missões religiosas (séculos XVI e XVII)Incursões por rios da região para a catequização de índios e fundação de missões religiosas.
Bandeiras (séculos XVII e XVIII)Bandeirantismo na região, especialmente para a captura de índios a serem escravizados.
Ciclo do ouro (século XVIII)Associado ao surgimento de núcleos urbanos como Cuiabá e Poconé (MT), Vila Bela e Vila Boa (GO).
FortificaçõesDefesa das fronteiras e possessões coloniais portuguesas.
Pecuária (séculos XIX e XX)Pecuária extensiva como elemento de ocupação de grandes áreas.
Brasília (1960)Projeto de interiorização e desenvolvimento a partir da nova capital.
Expansão agropecuária (a partir da década de 1970)Ligada ao papel das commodities na economia brasileira.

 

Características atuais

  • Urbanização elevada: cerca de 90%;

  • Densidade demográfica ainda mais baixa em relação a outras partes do país;

  • Vínculo econômico mais associado ao setor primárioda economia.

AULA 4

Brasília e a Interiorização do Povoamento

Assistir aula

No centro do país

A consolidação de Brasília como capital do Brasil foi associada à necessidade de povoamento e desenvolvimento do interior do país.

 

Discussões para a mudança da capital

  • Século XVIII;

  • Período Imperial;

  • República Velha.

 

Eventos mais importantes

AnoEvento
1891Constituição previa a construção de nova capital.
1922Pedra fundamental indicando o marco de construção.
1946Comissões criadas para conduzir a transferência.
1956Início da execução de projetos e construção.
1960Inauguração, a 21 de abril.

 

Alguns motivos para a transferência

  • Deslocar as decisões políticas;

  • Novo centro, mais afastado de grandes contingentes populacionais, da mídia e das pressões sociais;

  • Questões militares;

  • Integração do interior do país com os centros mais desenvolvidos.

 

Características atuais

  • 1960:novo Distrito Federal.

    • Composto por um único município (Brasília), dividido em Regiões Administrativas (Plano Piloto, Águas Claras, Gama, Ceilândia, Planaltina, Taguatinga, etc.);

    • Região Integrada de Desenvolvimento Econômico (RIDE);

  • Cumprimento do papel de eixo de integração;

  • Crescimento desordenado: mais de quatro milhões de pessoas já vivem na região metropolitana do DF.