Quer ter acesso aos nossos resumos completos?

Assine o Stoodi e prepare-se para o ENEM com conteúdos exclusivos!

Resumo de Elementos de Articulação Textual: Conectivos - Gramática

Quer estudar Elementos de Articulação Textual: Conectivos? Aqui no Stoodi você encontra resumos grátis de Gramática que podem ser salvos em PDF para ajudar na sua preparação para o Enem e principais vestibulares.

AULA 1

Preposição

Assistir aula

É a palavra que estabelece uma relação entre dois ou mais termos da oração, vinculando-os, já que sem a preposição para uni-los, eles estariam isolados e sem sentido completo. Assim, é uma relação do tipo subordinada.

AULA 2

Conjunção

Assistir aula

A conjunção liga orações.

De acordo com o tipo de relação que estabelecem, as conjunções podem ser classificadas em coordenativas e subordinativas.

 

Conjunções coordenativas

São aquelas que ligam orações de sentido completo e independente. Subdividem-se em:

Aditivas: ligam orações, expressando ideia de adição.

Adversativas: ligam orações, expressando ideia de contraste.

Alternativas: ligam orações, expressando ideia de alternância ou escolha.

Conclusivas: ligam a oração anterior a uma oração que expressa ideia de conclusão ou consequência.

Explicativas: ligam a oração anterior a uma oração que a explica, que justifica a ideia nela contida.

 

Conjunções Subordinativas

São aquelas que ligam duas orações, sendo uma dependente da outra. A oração dependente, introduzida pelas conjunções subordinativas, recebe o nome de oração subordinada.

As conjunções subordinativas subdividem-se em integrantes e adverbiais:

Integrantes: indicam que a oração subordinada por elas introduzida completa ou integra o sentido da principal. Introduzem orações que equivalem a substantivos. São QUE e SE.

Adverbiais: indicam que a oração subordinada por elas introduzida exerce a função de adjunto adverbial da principal. Classificam-se em:

  • Causais: indica a causa do que ocorreu na oração principal.
  • Concessivas: introduz uma oração que expressa ideia contrária à da principal, sem, no entanto, impedir sua realização.
  • Condicionais: introduzem uma oração que indica a hipótese ou a condição para que o fato da oração principal ocorra.
  • Conformativas: introduzem uma oração em que se exprime que um fato está de acordo com outro.
  • Finais: introduzem uma oração que expressa a finalidade ou o objetivo do que é retratado na oração principal.
  • Proporcionais: introduzem uma oração que expressa um fato relacionado proporcionalmente à ocorrência da oração principal.
  • Temporais: introduzem uma oração que acrescenta uma circunstância de tempo ao expresso na oração principal.
  • Comparativas: introduzem uma oração que expressa ideia de comparação referente à oração principal.
  • Consecutivas: introduzem uma oração que expressa a consequência da principal.