Quer ter acesso aos nossos resumos completos?

Assine o Stoodi e prepare-se para o ENEM com conteúdos exclusivos!

Resumo de A Crise da República das Oligarquias - História

Quer estudar A Crise da República das Oligarquias? Aqui no Stoodi você encontra resumos grátis de História que podem ser salvos em PDF para ajudar na sua preparação para o Enem e principais vestibulares.

AULA 1

Tenentismo

Assistir aula

Governo Epitácio Pessoa (1919-1922)


Tenentismo

Definição
Movimento político-militar dos jovens oficiais (tenentes e capitães) do Exército contra a República Oligárquica.

Características

  • Ideal de salvação nacional;
  • Elitismo;
  • Nacionalismo econômico.

Objetivos

  • Voto secreto;
  • Justiça Eleitoral;
  • Centralização dos poderes do Estado.

Líderes

  • Luís Carlos Prestes;
  • Juarez Távora;
  • Joaquim Távora;
  • Isidoro Dias Lopes;
  • Eduardo Gomes;
  • Siqueira Campos;
  • Miguel Costa.

Os 18 do Forte de Copacabana (RJ-1922)

  • Primeiro movimento tenentista;
  • Objetivo: derrubar a República das Oligarquias;
  • Vitória das forças leais ao governo.


Governo Artur Bernardes (1922-1926)

  • ↑ Movimento Tenentista = ↑ Estado de Sítio;
  • Revolução de 1923 (RS):
    • Fator: reação à reeleição de Borges de Medeiros (PRR) para governador pela 5ª vez;
    • Líder: Assis Brasil (Partido Libertador);
    • Pacto de Pedras Altas:
      • Proibição da reeleição do governador;
      • Maior participação política para o Partido Libertador.
  • Revolução de 1924 (SP);
  • Líder: general Isidoro Dias Lopes;
  • Vitória das tropas governistas;
  • Os sobreviventes se retiram para o Paraná para se fundir a Coluna Prestes;
  • Coluna Prestes (1924-1927):
    • Líder: Luis Carlos Prestes;
    • 24000 Km percorridos;
    • Objetivo: conscientizar a população contra a estrutura política vigente;
    • Derrota política: apatia do povo.

AULA 2

Revolução de 1930

Assistir aula

Fatores da crise

  • Domínio da oligarquia cafeeira;
  • Corrupção eleitoral (clientelismo e “voto de cabresto”);
  • Exclusão dos grupos urbanos (proletariado e classe média) da representação política.


Governo Washington Luís (1926-1930)

  • Último presidente da República das Oligarquias;
  • Lema: “Governar é abrir estradas”;
  • Suspensão do Estado de sítio;
  • Perseguição aos comunistas;
  • Economia:
    • Caixa de estabilização: equilíbrio monetário e cambial até a Crise de 1929.


Revolução de 1930

Fatores

  • Rompimento da Política do “Café com Leite”:
    • Indicação de Júlio Prestes, governador de São Paulo, pelo presidente Washington Luís, como candidato à presidência nas eleições de 1930;
    • Insatisfação de Minas Gerais.
  • Formação da Aliança Liberal para concorrer como oposição ao candidato governista Júlio Prestes:
    • Aliança: RS + PB + MG;
    • Propostas: diversificação da produção agrícola, voto secreto e leis trabalhistas;
    • Candidatos: Getúlio Vargas (presidente) e João Pessoa (vice).
  • Crise de 1929:
    • Queda nas exportações de café;
    • ↓ Poder da oligarquia cafeeira.

Processo revolucionário

  • Vitória de Júlio Prestes (apoiado por Washington Luís) nas eleições presidenciais de 1930;
  • Assassinato de João Pessoa;
  • Deputados federais eleitos por MG e PB são impedidos de tomar posse (“degola”);
  • Aliança Liberal + Tenentes;
  • 24 de outubro de 1930 = ↑ Getúlio Vargas.