Resumo de O Consumo - Sociologia

Quer estudar O Consumo? Aqui no Stoodi você encontra resumos grátis de Sociologia que podem ser salvos em PDF para ajudar na sua preparação para o Enem e principais vestibulares.

AULA 1

O consumo

Assistir aula

Walter Benjamin

  • Consumo gera sociabilização;
  • Incentivo ao consumo: cartazes, propaganda, fotografia, cinema.


Brasil

  • O que consumimos? Quem consome? Quais são os entretenimentos e o lazer?


Padrão de consumo

  • O consumidor e o produto têm status, idade, lugar, hierarquia.

AULA 2

Economia de mercado

Assistir aula

Liberalismo

  • Valor dos produtos e serviços são determinados pela demanda;
  • Oposto: economia planejada (o governo intervém).


Consumo & Cidadania

  • Ambos estão relacionadas, há uma relação direta. Nossa vida vai além do dinheiro, mas que é também consumo. Ex: consumo da leitura.


Recursos

  • Renováveis: a natureza com a ação humana repõem os recursos. Ex.: etanol, energia solar, hidrelétrica, etc;
  • Não renováveis: não é possível repor rapidamente. É o caso do petróleo.


Bens

  • Duráveis: podem ser usados por longo tempo. Ex.: eletrodomésticos;
  • Não duráveis: consumo imediato. Ex.: alimentos;
  • Essenciais: são indispensáveis à sobrevivência. Ex.: roupas, alimentos;
  • Supérfluos: não são essenciais. Ex.: marcas;
  • Tangíveis: têm existência física. Ex.: terrenos;
  • Intangíveis: têm valor não físico. Ex.: viajar.

AULA 3

Bens culturais

Assistir aula

São relacionados às necessidades da vida cultural, tais como: informação e entretenimento.

Exemplos

  • Leitura: livros, mídias;
  • Fonografia: música, equipamentos;
  • Espetáculos: shows, teatro;
  • Audiovisual: cinema, TV;
  • Informática: computador, internet;
  • Passeios: viagens, zoológico, danceteria.

AULA 4

Acesso à cultura

Assistir aula

IPEA

  • Toda sociedade valoriza os bens culturais;
  • Mas o acesso não é igual para todos;
  • Quanto maior a renda e a escolaridade, maior o acesso ao consumo.


Livros

  • Quem tem mais de 10 livros em casa?
  • 90% das Classes Altas. 42% das Classes Baixas;
  • Classes altas consomem festas e shows;
  • Casses baixas consomem audiovisual e fonografia.


Em casa

  • 82% das despesas culturais estão em casa: TV, DVD, computadores, internet. Saídas são apenas 18%.

AULA 5

Cultura a domicílio

Assistir aula

Crescimento urbano

  • O Brasil se urbanizou rápida e desorganizadamente. Isso gerou uma dificuldade de expansão cultural.


Exemplos

  • Quase todos os municípios brasileiros têm videolocadoras e lojas de som;
  • Cinema existem em 25% das cidades;
  • Existem museus em apenas algumas cidades (capitais).


Acesso

  • Quando há atividades fora de casa, é possível o acesso? É bem localizado? É seguro? O preço permite?  
  • Resultado: o consumo de bens culturais se concentra em casa ou na escola.

AULA 6

Consumo alimentício

Assistir aula

Cultura

  • Alimento: conjunto de nutrientes em estado bruto. Ex.: trigo;
  • Comida: transformação cultural do alimento. Ex.: pão.


Refeições

  • Seleção de alimentos. Cada cultura tem um tipo diferente de transformação alimentícia;
  • Hábitos: café-da-manhã, sopa no inverno, peru no natal.


Questões

  • O que comemos? Por quê? Como selecionamos?

AULA 7

À mesa

Assistir aula

Pesquisa antropológica

Pesquisa antropológica realizada em 2007, em 10 capitais, de todas as classes sociais, dos 17 aos 65 anos.


Padrão

Vários estilos culinários; misturamos comida no prato; valorizamos refeições quentes (almoço e jantar); informalidade à mesa; mulheres (mãe e esposas) escolhem o cardápio.


Variações

As refeições variam. Há a refeição semanal, mais simples. Nos fins de semana, uma comida diferente. Em épocas festivas, uma comida mais elaborada.

AULA 8

Mais de 65 anos

Assistir aula

Senior Citizen

É a “terceira idade”. Eles têm mais tempo livre, menos gastos fixos. Logo, tem maior poder de consumo.


Década de 80

Economia brasileira instável, aposentadoria precária, baixo poder de compra.


Anos 2000

Maior estabilidade. Idosos são consumidores em potencial. Surgem propagandas especializadas.


Hipervalorização da juventude

Surge o envelhecimento precoce: jovens com menos de 20 anos se acham idosos.


Velhice hoje

A velhice é vista como um mal, como algo negativo, um problema. Surgem produtos para combater a velhice. A juventude é um consumo! Só é velho quem quer, quem não consome

AULA 9

Classes sociais

Assistir aula

Anos 2000

A qualidade de vida da população melhora. Aumenta o poder aquisitivo. A população brasileira consome mais.


Mudança de classe

A sociedade deixa de ser uma pirâmide e passa a ser um losango


As classes baixas diminuem e a classe média aumenta.


Composição

Classes altas: + R$9.000
Classes médias: R$ 2.000 – 8.000
Classes baixas: - R$ 2.000

AULA 10

Ascensão da classe média

Assistir aula

Crescimento da Classe C

  • 2003: 66 milhões de pessoas;
  • 2011: 105 milhões de pessoas (mais da metade da população brasileira). Crescimento de 60% em menos de 10 anos.


Causas das mudanças

  • Investimentos em educação;
  • Melhores condições de trabalho;
  • Crescimento econômico do país;
  • Políticas sócias.


Após 2004

Com educação e qualificação profissional, as pessoas têm acesso a bens e serviços, antes excluídos. Ex.: planos de saúde, escolas, previdência, viagens, etc.

AULA 11

Quem é a classe média

Assistir aula

A classe média é composta, sobretudo, por filhos com maior escolaridade que os pais.
Jovens formam famílias menores.
São consumidores mais exigentes: pesquisam preços e correm atrás de seus direitos.
Anseiam por ascensão social.

O que consome

Educação, turismo, computadores, comunicação, combustível, cartão de crédito

Conta de email não verificada

Não foi possível realizar o seu cadastro com a sua conta do Facebook pois o seu email não está confirmado no Facebook.

Clique aqui para ver como confirmar sua conta de email no Facebook ou complete seu cadastro por aqui.

Entendi
Clicando em "Criar perfil", você aceita os termos de uso do Stoodi.
Tem perfil no Stoodi? Fazer Login