Disciplina e fé são os elementos fundamentais a um estudante, segundo Scott Rocco. Confira 7 dicas para melhorar a qualidade do seu estudo


Scott Rocco é mais um entre milhares de estudantes que estudou em sua casa e conseguiu conquistar a vaga que tanto almejava. Fazia 5 anos que ele não tinha contato com o conteúdo do ensino médio quando decidiu prestar o vestibular em 2015. Scott, que já trabalha na Biblioteca Central da UFSC, foi aprovado em 6º lugar no curso de Nutrição da mesma instituição. Passou também em 3º lugar em Biblioteconomia na UDESC.

Quando questionado sobre qual curso escolheria, ele respondeu de bate-pronto, “Nutrição, com toda a certeza”. De acordo com ele, é normal que as dúvidas vocacionais pintem, mas experimentar uma nova área do conhecimento pode ser a solução para encontrar a carreira ideal.

Scott tinha uma rotina puxada: de segunda a sexta, estudava das 7:30h às 13:30h. Depois, trabalhava das 15h às 21h. De sábado, ele conta que estudava o total de 7 horas, sem horário fixo. Já no domingo, ele aproveitava para descansar e não pegar nos livros.


Para inspirar outros alunos do Stoodi, ele dá algumas dicas de estudos que o fizeram aproveitar melhor o tempo que tinha para assistir aulas, fazer exercício e revisar o conteúdo:
“A grande sacada se baseia nos seguintes elementos:

  • Consistência nos estudos (qualidade x quantidade),
  • Bom material de estudo
  • MUITA disciplina (para não se entregar às distrações)
  • MUITA organização, escolhendo os dias para cada matéria
  • Fazer as provas anteriores da banca, pois, com isso, sabe-se quais tópicos aquele vestibular mais aborda e como o faz
  • Descansar (7 horas de sono, no mínimo)
  • E o elemento mais importante: acreditar que é possível.

De nada adianta se matar estudando se você não souber o motivo de levantar da cama todas as manhãs e se dedicar ao máximo. Tem que se perguntar: por que estou fazendo isso? Até porque o grande combustível capaz de acender todos os outros elementos citados é a motivação. É acreditar no que está fazendo”, explica Scott.

Para ele, o fundamental é ter fé em si mesmo. “Apesar de tudo e de todos, ACREDITE! ”, finaliza.

0 Shares:
Você pode gostar também