Nos últimos 30 anos, a grande quantidade de desastres ambientais acabaram acarretando em uma diversidade de danos para a população brasileira, deixando marcas profundas e por vezes irreparáveis!

Momentos marcantes, como o rompimento da barragem da mineradora Samarco, localizada em Mariana, Minas Gerais, fazem a sociedade refletir sobre os impactos das tragédias ambientais.

Tanto é que esse desastre ambiental é considerado pelo Governo Federal como sendo a maior tragédia ambiental da história do nosso país.

Embora essa seja a mais recente, ela ainda é apenas uma de muitas que já foram causadas no país nos últimos 30 anos.

Para saber mais sobre desastres ambientais, continue lendo o artigo e entenda melhor alguns dos principais casos e seus impactos!

Desastres ambientais: o que são

desastre ambiental
Não há como negar que nos últimos anos a degradação do meio ambiente está se elevando e, por isso, discutir esse assunto tem sido algo realmente muito importante.

De maneira geral, impacto ambiental consiste em todo e qualquer tipo de alteração que seja significativa para o meio ambiente em si, podendo ser provocada por meio de uma ação humana ou por fenômenos de caráter natural. Esses impactos podem ser considerados adversos ou até mesmo positivos.

No caso dos que podem ser vistos como algo positivo, pode-se citar atividades focadas na gestão de unidades para conservação, como ocorre em áreas como parques ou reservas.

Isso também pode ser associado ao reflorestamento de áreas que sejam consideradas degradadas, culturas de animais e plantas e até mesmo os denominados “Negócios Verdes” focados em processo de reciclagem.

Já quando o assunto trata de impactos adversos, pode-se mencionar casos que ficam mais em destaque na mídia, envolvendo poluição, destruição de áreas verdes, água contaminada, e outros.

Infelizmente, no decorrer da nossa história, os desastres ambientais não são uma novidade, mas algo recorrente. Muitos, inclusive, acabam marcando drasticamente nosso país.

Desastres ambientais: causas e consequências

Não somente pode-se afirmar que o resultado desses casos proporciona uma grande quantidade de prejuízos ambientais, como também gera um impacto negativo e em grande escala para a nossa sociedade, para a economia e até mesmo para a cultura.

As dimensões provocadas pelos desastres são constantes e dificilmente deixaremos de ver na história do Brasil seus efeitos, mesmo em casos de desastres ambientais de anos atrás!

desastre em Mariana

Casos como o rompimento da barragem da Samarco são prova disso. Mesmo depois de quase 4 anos, a cidade de Mariana, em Minas Gerais, ainda sofre com o desastre ambiental, que teve a liberação de mais de 62 milhões de metros cúbicos de rejeitos.

Confira abaixo alguns dos principais prejuízos que podem ser ocasionados por conta dos desastres ambientais:

  • Os impactos podem acabar afetando a economia local da região. No caso de Mariana, por exemplo, a mão de obra local que justamente era atraída pela construção da barragem e trazia empregos para os moradores foi encerrada.
  • Locais que sejam considerados turísticos, sua economia local pode ficar totalmente afetada, o que gera desemprego e diminuição do poder de renda para os mais necessitados.
  • Em casos de locais que foram submetidos à radiação, as pessoas deixam todos os seus bens e a história de uma vida para trás, sem a menor perspectiva de como será o futuro. Em muitos casos, as áreas afetadas nem podem ser retomadas pelos antigos moradores, ficando absolutamente desertas.
  • Acidentes causados com óleo e demais componentes químicos em mares, rios, lagos, e represas são também muitos nocivos. Os animais acabam morrendo por conta de sede ou por acesso a uma água contaminada. Já os moradores da região também sofrem com a falta de água para beber e cozinhar.

Maiores desastres ambientais do mundo

Logicamente, o Brasil não é o único país a vivenciar casos de desastres ambientais, o mundo todo está exposto à fenômenos climáticos e outras situações que geram grandes impactos.

Confira a seguir uma lista com os 3 maiores desastres ambientais no mundo, que foram causados não somente pela própria natureza, mas também pelas mãos humanas.

Bomba de Hiroshima e Nagasaki (Japão, em 1945)

Durante a Segunda Guerra Mundial, os Estados Unidos, pela primeira vez, utilizou bombas atômicas para atacar as cidades japonesas de Hiroshima e Nagasaki com o objetivo de forçar o Japão a se render.

A gravidade foi tanta, que no raio de um quilômetro da parte central da explosão, praticamente todos os animais e plantas foram exterminados e a morte de muitas pessoas. Já se passaram quase 60 anos e a radiação ainda causa efeitos nocivos para a vida de muitos japoneses.

Explosão de Chernobyl (Ucrânia, em 1986)

Esse é considerado o caso de acidente radioativo mais grave da história mundial, e por isso um dos maiores desastres ambientais do mundo.

A nuvem nuclear provinda da explosão de um reator acarretou efeitos nocivos na Europa e ainda contaminou uma enorme extensão de florestas, deixando mais de 40 mil pessoas extremamente doentes.

Fukushima (Japão, em 2011)

Esse desastre ambiental também se refere a um acidente nuclear, porém, esse foi em decorrência de um terremoto seguido por um tsunami.

A usina nuclear foi atingida pelo tsunami, causando uma explosão no local. Não houveram mortos, mas grande parte da população sofre problemas de saúde e alta probabilidade em desenvolver câncer.

Além disso, até os dias de hoje, o oceano Pacífico é contaminado devido aos despejos de água radioativa que chegam a 300 toneladas por dia.

exercícios de biologia

Desastres ambientais no Brasil

No Brasil, os desastres ambientais dificilmente são provocados por efeitos naturais de grande magnitude, como tsunamis, terremotos e outros, porém, muitos deles são provocados por ação humana.

Confira a seguir os 2 maiores desastres ambientais do Brasil:

Acidente radioativo em Goiânia (1987)

Esse é considerado um dos mais graves casos de radiação em todo o mundo, considerando o uso de um material radioativo chamado Césio 137.

O motivo inicial de tudo foi a violação de um aparelho radiológico por dois catadores de lixo. O aparelho se encontrava em um hospital abandonado.

No processo, os dois encontraram um pó branco que tinha a capacidade de emitir uma luz azulada. Ao deslocar esse pó para outros pontos da cidade, eles acabaram contaminando o ar, solo, água e também muitas pessoas.

Rompimento da barragem em Mariana (2015)

Esse é um dos desastres ambientais mais recentes e até mesmo impressionantes, e claro, um dos mais comentados.

O rompimento da Barragem da Samarco – empresa controlada pela Vale – que acarretou a liberação de cerca de 62 milhões de metros cúbicos de rejeitos na cidade, inundando o distrito de Bento Rodrigues, em Minas Gerais, deixando 19 mortos.

Os impactos ambientais pelo rompimento da barragem são enormes, podendo destacar a contaminação de rios e mares pela lama, a morte de milhares de espécies de peixes, soterramento de nascentes, destruição da vegetação, comprometimento do solo, entre outros.

Desastres ambientais causados pelo homem

Infelizmente, os dois casos citados nos tópico anteriores são de desastres ambientais causados pelo homem, bem como outros que acabam manchando a nossa história e trazendo tantos efeitos negativos para a nossa sociedade.

O grande ponto é que a maior parte dos desastres não somente no país, mas também como no restante do mundo são, na maioria das vezes, provocados por motivos que poderiam ser evitados!

A presença de uma estrutura mais precária por parte de grandes corporações e suas instalações, e até mesmo uma ausência de manutenção qualificada, podem ser as principais responsáveis por muitos acidentes e tragédias semelhantes às que foram provocadas pela Samarco, por exemplo.

Desastres ambientais: qual o preço do desenvolvimento?

Se formos impor um preço para o desenvolvimento e a sua associação por parte dos desastres ambientais, a resposta seria uma só: caro!

Os danos ao meio ambiente não somente atingem plantas ou animais, mas também trazem muitos efeitos nocivos para o solo, à água, e o ar, afetando a todos nós.

O desenvolvimento é algo que de fato impulsiona o homem,  gera progresso e até mesmo permite que procuremos atestar nossas mais profundas capacidades e adaptações, mas quando feito de forma inconsciente, nos afasta do nosso elo mais profundo e importante: o nosso planeta.

Diante disso, os desastres ambientais são uma das maiores preocupações dos tempos atuais, principalmente porque os efeitos são arrastados por anos e mais anos à frente, e reverter essa situação dependerá da forma de como encaramos a nossa existência.

Quer aprender ainda mais para mandar muito no Enem e vestibulares? Experimente nosso plano de estudos. Com ele você tem acesso a videoaulas e ainda pode testar seus conhecimentos a partir de vários exercícios que a plataforma disponibiliza.

1 Shares:
Você pode gostar também