Entender de fato todos os assuntos e suas complexidades quando se trata de estudar para uma prova importante, incluindo a história no vestibular e demais disciplinas, como geografia e ciências, são essenciais. 

Afinal, realizar uma prova de vestibular é uma das principais formas de ingressar em uma universidade.

Ao longo deste artigo, você poderá entender mais sobre a importância da preparação para o vestibular, tendo acesso aos principais tópicos e temas que devem ser focados no estudo da história, bem como elaborar um cronograma de estudos. Acompanhe a leitura!

A preparação para o vestibular

O vestibular no Brasil é uma das provas mais importantes em questão de introdução de finalistas do ensino médio nas principais universidades do país, realizando provas como as do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) ou próprias de cada academia.

Essa é uma oportunidade de ouro para estudantes traçarem seus destinos nas faculdades desejadas, seja para um curso de aula de ballet criativa ou de medicina.

Por isso, entender como a prova funciona e estudar exatamente o que vai constar no exame é uma tarefa importante, que move as preocupações de todos.

Isso acontece porque, sendo uma prova que reúne assuntos vistos nos três anos do ensino médio, com conteúdos que também foram aprofundados ao longo do ensino fundamental, o Enem se mostra extenso e é preciso estar atento a cada questão.

Por isso, a preparação para o vestibular é uma das principais preocupações e também um dos temas mais comentados na área da educação. Ainda que diferentes assuntos sejam estudados com ampla autonomia, é preciso focar em detalhes para passar na prova.

Por exemplo, além de entender temáticas de geografia e história que foquem no ensino regional e nacional, é necessário entender assuntos voltados para outros países.

Algo que nem sempre é fácil de ser lembrado e entendido sem anotar tudo em uma agenda personalizada com nome.

Dessa forma, ter em mente uma organização nos estudos e na dedicação para cada uma das matérias que podem ser solicitadas na prova é uma das principais formas de estudar da forma mais adequada possível para a preparação para o tão esperado vestibular.

Além disso, é preciso estar atento a outras preocupações necessárias para os estudantes que se envolvem em uma prova tão difícil e cheia de perguntas que exigem raciocínio, como a escolha de um ambiente de estudo adequado e revisões constantes do assunto.

Descobrimento do Brasil: relembre essa parte de nossa história

História: principais tópicos e livros

A matéria de história é uma das mais interessantes dentro dos estudos de vestibular, justamente por abordar questões importantes para a composição de nossa sociedade em uma questão nacional, caminhando até contextos mundiais.

No entanto, por ser uma disciplina que ao longo da formação escolar aborda diversos assuntos diferentes, cada um com seus detalhes e complexidades atreladas, é preciso que o vestibulando mantenha um alto nível de dedicação e comprometimento.

Por exemplo, sobre o tema da história mundial, é possível que sejam abordadas temáticas de continentes diferentes, colocando em pauta acontecimentos importantes em cada um deles, sendo solicitado, ainda, suas reflexões em outras localidades.

Já na história do Brasil, algo um tanto mais fácil em questão de compreensão e proximidade, são muitos os assuntos a serem colocados em pauta nas provas, mas são os mais determinantes para a sociedade que entram em evidência a cada ano de vestibular.

Entenda abaixo um pouco mais sobre o que estudar sobre história, que podem ser facilmente encontrados em livros específicos de cada uma dessas temáticas.

História do Brasil

A história do Brasil, apesar de tantos temas voltados quase sempre para participações religiosas e culturais, como estudado em escola particular infantil creche, teve sua história fortemente impactada pela política, questão desde seu descobrimento, em 1500.

Seguindo essa linha de pensamento, os principais assuntos abordados ao longo dos anos são condensados em momentos da história, que com cada uma de suas particularidades, impactaram assuntos ainda em pauta até os dias de hoje, sendo eles:

1 – Brasil colônia

Sobre o Brasil colônia, é importante destacar o princípio da descoberta das terras brasileiras, a chegada e ocupação total de portugueses, indo desde o povoamento das terras em cada estado, até o reinado que fez parte da política do país.

2 – Período imperial

No período imperial, um quesito essencial é a análise do Brasil desde sua independência de Portugal. Além disso, podemos ver um pouco mais sobre a abolição da escravidão, a chegada de imigrantes, em especial os europeus, e toda a organização política da época.

3 – Era Vargas

A era Vargas, que fala sobre o governo de Getúlio Vargas, tem grande responsabilização na atuação da nova república, destruindo de uma vez tudo o que havia sido considerado pelos europeus, trazendo leis, constituições e um forte apelo militar.

4 – Ditadura militar

Por fim, vemos como de extrema importância no estudo da história do Brasil a fase da ditadura militar, um dos acontecimentos mais marcantes e essenciais para estudo contínuo, como uma forma de demonstração de ideologias que geraram irreparáveis acontecimentos.

História geral

Um estudo que quase sempre é necessário ser feito paralelamente à análise de um sentido nacional é a história geral, que predomina acontecimentos que mudaram a forma como o mundo se desenvolveu, sendo essenciais para a compreensão de inúmeros assuntos.

O estudo da história em um contexto maior é uma ótima forma de compreender a sociedade atual e o mundo em que vivemos, o que auxilia ainda na análise opinativa, que muitas vezes aparece nas provas do Enem feitas em sala para palestra, por meio da redação.

Veja abaixo as principais questões que devem ser deixadas dentro do seu estudo de história, e que com certeza vão constar no vestibular, de uma forma implícita ou explícita.

1 – Revolução Industrial

A Revolução Industrial tem um grande impacto até os dias de hoje, algo especialmente visto nas tecnologias e nas formas de trabalho que foram adequadas. Entender esse acontecimento e como ele repercutiu tem grande importância na sociedade atual.

2 – Revolução Francesa

Já a Revolução Francesa apareceu na história como um marco da falência dos poderes monárquicos que não se interessaram em pensar, em primeiro lugar, no povo que os fortalece. Além de ser uma história política, é considerado um acontecimento cultural.

3 – Primeira e Segunda Guerra Mundial

De um lado, o foco em disputas territoriais e prevalência dos Estados Unidos como maior nação, e do outro a briga iniciada por invasão, que salientou a ascensão do fascismo. Primeira e Segunda Guerra Mundial, respectivamente, mudaram o mapa mundial.

4 – Guerra Fria

Por fim, a Guerra Fria, uma extensão de acontecimentos que haviam sido criados na Segunda Guerra, só que agora mais notórias, com a briga ainda em vigor entre Estados Unidos e União Soviética, renderam mudanças ainda potentes nessas potências globais.  

Montando um cronograma de estudos

Como visto acima, entender as complexidades e cada um dos detalhes da história em nível nacional e internacional pode não ser uma tarefa fácil, visto que as chances de se perder nos estudos podem ser altas sem uma organização.

Para isso, é importante que seja feito um cronograma, que faça com que o estudo percorra os caminhos estratégicos do estudo da história, influenciando para um melhor aproveitamento dos assuntos que forem sendo estudados em espaço de coworking.

Uma boa dica é começar os estudos pelo caminho oposto ao inicial, visto que grande parte do aprendizado inicial poderá ser mais interessante por sua atualidade, podendo auxiliar mais à frente, em eventuais dúvidas e entendimentos na prática.

Por isso, você pode começar com temáticas relacionadas ao Brasil seguindo a seguinte ordem, indo em uma viagem desde a:

  • Chegada dos portugueses;
  • Meios de trabalho escravo;
  • Atuação do sistema colonial;
  • Política atual.

Siga neste mesmo preceito, passando por temáticas que seguem pela América do Sul, o continente em um geral, levando seus estudos para a Europa, o Ocidente e assuntos que iniciam a chamada era contemporânea, que começa em especial na Europa.

Seguindo essa ordem exata, fica mais fácil de percorrer os principais assuntos de cada uma, trazendo para evidência cada uma de seus acontecimentos, e entendendo de que forma eles representam uma atuação, até que os dias de hoje sejam compreendidos.

Uma dica complementar para ser aplicada conforme o cronograma, é organizar em um mural organizações em papel, impresso com aluguel de impressora laser colorida, para pontuar com exatidão os caminhos que devem ser seguidos.

Conclusão

Fazendo o acompanhamento certo de cada uma das temáticas históricas que envolvem e compõem a sociedade atual, o estudo de história com foco no vestibular se torna mais prático e centrado, facilitando o total entendimento até o dia de realizar o exame.

Para facilitar ainda mais as dicas dadas, tente procurar um local com o máximo de tranquilidade para estudo, algo que vai fazer a diferença para a melhoria da sua concentração e da capacidade de memorização, como em um mezanino grande.


Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos

Você pode gostar também