Partícula apassivadora: o que é, exercícios e mais!

Neste artigo, trataremos da partícula apassivadora, importante para definir o sentido de um verbo para a voz passiva. Existe uma construção específica para usar essa partícula, e não devemos confundi-la com o índice de indeterminação do sujeito. Aprenderemos sobre isso e mais! Vamos lá?

O que é partícula apassivadora?

A partícula apassivadora é a palavra “se”, quando usada para indicar um verbo na voz passiva. Isso quer dizer que a ação será incidida sobre a própria pessoa, objeto ou situação que é o sujeito da construção frasal.

Partícula apassivadora e índice de indeterminação do sujeito

Quando falamos em índice de indeterminação do sujeito, estamos nos referimos à situação da mesma partícula “se”, mas usada em um sentido bem diferente: indefinir o sujeito da sentença.

Apesar de usarmos a mesma palavra, é possível distinguir as duas situações com as seguintes regras:

  • o índice de indeterminação do sujeito ocorrerá na junção do “se” com verbo intransitivo, transitivo indireto ou um verbo de ligação;
  • a partícula apassivadora “se” será combinada com um verbo transitivo direto ou transitivo direto e indireto.

Concordância verbal com partícula apassivadora

Sobre a concordância verbal com o caso descrito aqui, existe uma regra importante. Ela condiciona que o verbo sempre deve concordar com o sujeito. Assim como nos seguintes exemplos:

  • poupou-se tempo;
  • descobriu-se uma virtude;
  • vendem-se casas.

Partícula apassivadora: exercícios

1. (Stoodi) Em todas as orações abaixo, a palavra “se” aparece como pronome reflexivo, exceto em:

a. Os namorados beijavam-se calorosamente.

b. Mãe e filha queriam-se muito.

c. Suicidou-se numa noite de verão.

d. Era-se feliz na fazenda.

Tenha acesso GRATUITO a mais de 6 mil videoaulas, 30 mil exercícios, resumos teóricos e materiais complementares pra download!

e. Cortou-se a pobre menina nos arames farpados.

2. (Stoodi) Na frase: “Trabalhou-se com prazer”, a palavra se é:

a. pronome reflexivo.

b. índice de indeterminação do sujeito.

c. partícula apassivadora.

d. NDA.

Vimos até aqui que a partícula apassivadora é equivalente a palavra “se” quando usada para indicar uma voz passiva sobre o enunciado de uma oração. É importante não confundi-la com o índice de indeterminação do sujeito, que é usada para indefinir o enunciado da oração.

Quer aprender mais sobre o tema? Confira nosso banco de exercícios sobre a função sintática dos pronomes!

Gabarito

1. d; 2. b.

Você pode gostar também

Crase: dicas para escrever corretamente

A língua portuguesa já é complexa, com a mudança da norma ortográfica ficou ainda mais fácil se confundir. Para melhorar a comunicação escrita, a dica de hoje é sobre crase A crase é um fenômeno que ocorre quando juntamos a preposição “a” com o artigo “a”. Por exemplo: A aluna...