Governo faz ações para conscientizar alunos sobre os vírus transmitidos pelo mosquito

 Foto: Andre Luiz D.Takahashi/ ASCOM Votuporanga

 

No dia 19 de fevereiro, comemorou-se o dia Nacional de Mobilização da Educação contra o Zika e o governo federal aproveitou para lançar uma campanha de conscientização em mais de 200 escolas públicas no Brasil – cerca de 60 milhões de alunos participaram. Neste mesmo mês, no dia 7 de fevereiro, foi realizado o Dia D de combate à Dengue e ao Chickungunya, com iniciativas para prevenir a proliferação de novos mosquitos transmissores.

Essas três doenças e a Febre Amarela são transmitidas pelo mesmo agente, o Aedes Aegypti. Ele surgiu no Egito em 1762. No Brasil, o primeiro registro encontrado sobre uma pessoa contaminada por ele foi em Curitiba no final do século 19. Ou seja, o mosquito já faz parte do país há mais tempo do que se imagina.

O Aedes tem sido muito abordado pelo ENEM e vestibulares principalmente por conta da Dengue – que apresentou mais de 1,5 milhão em 2015, de acordo com o ministério da Saúde. Como se já não fosse o bastante, no mesmo ano, o mosquito surpreendeu médicos, biólogos e especialistas em geral com o primeiro contágio do Zika vírus no final de novembro.

Pode ser que em 2016 ele seja relacionado ao mais recente vírus, o da Zika – já que há tantas dúvidas e repercussão. Acesse esse post anterior para relembrar informações importantes sobre a Dengue, confira a entrevista sobre o Zika vírus e assista à aula para ficar por dentro do Chikungunya. 

Laura Loyo

Jornalista, ama uma roda de samba e ficar por dentro de todas as novidades. A Laura faz parte do time de Marketing e Conteúdo, e é conhecida como a Laura do Stoodi! Ela busca ter uma vida mais ativa, ama uma conversa de bar e adora comer comida de boteco. Saiba mais sobre a Laurinha!

Mais que um cursinho online: uma rotina de estudos perfeita para você

O caminho para a sua aprovação no ENEM E VESTIBULARES nas suas mãos!