Caneta e papel em mãos, tema da redação, esboço de ideias! É assim que nasce um texto dissertativo de categoria! Mas, para que isso aconteça na hora da prova, é importante ler bastante e desenvolver técnicas eficientes de escrita, além de treinar a redação!

Neste artigo, você vai saber mais sobre textos dissertativos e sua diferença para os dissertativo-argumentativos — o tipo que é usado no Enem e na maioria dos vestibulares do país —, aprender sua estrutura e ver uma proposta de texto dissertativo para começar a praticar!

Não vá perder!

O que é um texto dissertativo?

Dissertar significa explicar, discorrer, discursar. O texto dissertativo, então, é aquele que tem como objetivo mostrar uma explicação ou falar sobre determinado tema. Nos vestibulares, é comum que seja esse o tipo textual solicitado dos candidatos a ingressar no ensino superior, já que eles devem saber se expressar de forma clara e coesa.

Porém, é preciso distinguir o texto dissertativo expositivo do argumentativo, que é o do Enem. No primeiro caso, há apenas explanação sobre o assunto. Já no segundo tipo, é preciso que o candidato defenda uma tese e emita uma opinião fundamentada sobre o tema — por isso ele é chamado de dissertativo-argumentativo. Quer saber mais um pouco sobre ele?

O que é um texto dissertativo-argumentativo?

O clássico do Enem — calma, não estamos falando das famosas pérolas — é o texto dissertativo-argumentativo. O que se espera do candidato, com esse tipo de texto, é que ele demonstre conhecimento sobre um assunto e defenda seu ponto de vista, a partir de uma perspectiva, sobre o tema proposto.

Imagine que a proposta seja: “Efeitos do uso de redes sociais em relações pessoais e profissionais”. É um tema muito amplo e, em 30 linhas, não seria possível abordar todos os aspectos que o envolvem. Por isso, a necessidade de delimitar o tema, entende?

A dissertação requer conhecimento prévio do estudante. Quanto mais você souber sobre o assunto, mais fácil será falar sobre ele. Geralmente, o tema é de interesse social, mais genérico, que envolve grande parte da população. Pode ter viés artístico, cultural, econômico, entre outros.

Como fazer um texto dissertativo?

Muitos estudantes têm dúvidas e não sabem direito como começar um texto dissertativo. Se esse for também seu caso, fique tranquilo, que vamos mostrar como fazer um bom texto!

A primeira dica é: não use clichê para iniciar o texto! As primeiras palavras de uma redação são fundamentais para despertar o interesse do leitor — no caso, do corretor — e conduzi-lo por uma linha lógica de pensamento. Por isso, deixe de lado expressões como “hoje em dia”, “atualmente” e “nos tempos atuais”.

Aliás, elas podem ser abolidas de todo o texto, pois nada acrescentam a ele, já que a ideia de tempo presente será dada pelos verbos usados na frase. Qual das frases abaixo deixa você com mais vontade de continuar a leitura?

  • Atualmente, no Brasil, muitas discussões em grupos de WhatsApp provocam brigas nas famílias e nas empresas.
  • Discussões em grupos de WhatsApp têm provocado brigas familiares e profissionais.

É claro que a segunda opção é mais interessante para apresentar o tema, concorda? Depois, continue falando sobre o assunto de acordo com a linha de raciocínio a ser desenvolvida: você pode optar por estabelecer comparações, fazer alusão histórica, enumerar causas e consequências, usar elementos das artes e da mídia e muitas outras estratégias para deixar o conteúdo do seu texto rico e demonstrar conhecimento.

moça escrevendo texto dissertativo

Como fazer um texto dissertativo-argumentativo?

Além de dissertar, você terá que incluir no texto a defesa de um ponto de vista, caso seja esse o tipo textual solicitado na proposta. Para isso, utilize argumentos consistentes para comprovar a tese inicial.

O que são argumentos?

Para comprovar sua tese, é possível utilizar:

  • fatos comprováveis (não pode ser um caso que aconteceu com a vizinha);
  • exemplos;
  • dados estatísticos (que podem ser até fornecidos no texto-base);
  • lógica.

São essas informações que vão garantir a plausibilidade do seu texto: o leitor lê e acredita que é verdadeiro, ou seja, não é inventado.

Estrutura do texto dissertativo

O texto dissertativo é composto por introdução, desenvolvimento e conclusão. Esse modelo atende ao formato Enem e a diversas instituições de ensino.

Trata-se de, no primeiro parágrafo, despertar a atenção do leitor, como mencionamos, apresentando o tema a ser desenvolvido. Na sequência, em dois ou três parágrafos — inter-relacionados por elementos coesivos —, as ideias são explicadas, detalhadas.

Por fim, na conclusão, retome a ideia central, reformulando-a ou enfatizando os pontos mais importantes.

Texto dissertativo-argumentativo: estrutura

Aqui, no modelo Enem, o que muda é a obrigatoriedade de incluir, nos textos dissertativo-argumentativos, uma proposta de intervenção para o problema discutido. Não é necessário ser absolutamente original, mas sim ser bem-estruturada. A proposta de intervenção deve conter:

  • agente;
  • ação;
  • meio;
  • efeito;
  • desdobramento.

Isso significa falar quem deve realizar a medida, de que forma e o que se espera com ela. Não pode ser nada impossível, viu?

Proposta de texto dissertativo

Mantendo o tema apresentado anteriormente, trouxemos uma proposta de redação para que você desenvolva um texto dissertativo. Poderíamos iniciar de forma bem-humorada, mencionando as piadas e memes sobre o fim das festas de Natal, devido às divergências nas redes sociais, principalmente no período pré-eleitoral de 2018.

Na sequência, vamos dizer que a causa das brigas familiares se deve à intransigência e à falta de preparo para manter discussões de alto nível. Por fim, sugerir conscientização, exercício de tolerância, colocar-se no lugar do outro.

Agora, depois de aprender o que é texto dissertativo, entender sua estrutura e ler uma proposta de texto dissertativo-argumentativo e dicas de como desenvolvê-la, você está preparado para desenvolver suas redações.

Quer estudar bastante para mandar bem no vestibular? Então, conte com a correção de redação e com o Plano de Estudos Stoodi!

Giovanna Pessoa

Estudante de Administração de Empresas, a Gi faz parte do time de Marketing e Conteúdo do Stoodi e adora escrever! Ela ama estar em contato com a natureza, ler sobre psicologia, mas acima de tudo, é apaixonada por um cãozinho. Conheça mais sobre os textos da Gi, essa grande escritora que procura crescer cada vez mais em marketing!

Mais que um cursinho online: uma rotina de estudos perfeita para você

O caminho para a sua aprovação no ENEM E VESTIBULARES nas suas mãos!