Redação Unesp: como funciona, temas e mais!

Você sabe como funciona a Redação da Unesp? Trata-se de um dos momentos mais temidos pelos vestibulandos, afinal ela é uma das disciplinas principais do exame, tem um grande peso no vestibular e, por isso, define quem é aprovado ou não na Unesp.

Está interessado em saber mais sobre o assunto? Neste post, explicaremos detalhadamente como funciona a Redação da Unesp, quais são os critérios de avaliação e qual é a pontuação atribuída.

Por fim, daremos dicas que o ajudarão a fazer uma boa redação. Além disso, informaremos quais foram os temas da redação nos últimos anos. Continue a leitura e confira!

Como funciona a redação da Unesp?

A redação é aplicada na segunda fase do vestibular da Unesp. O valor dela é de 28 pontos dentre os 100 totais nessa etapa do processo seletivo. A instituição exige um texto dissertativo, que é o tipo textual mais comum nos vestibulares.

Esse tipo de texto possui um caráter argumentativo, ou seja, por meio do texto de apoio e dos seus conhecimentos de mundo, você desenvolverá um ponto de vista, problema ou questionamento, com uma consideração final que precisa estar em conformidade com os argumentos expostos.

É importante destacar ainda que, diferentemente do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) não é necessário apresentar uma proposta de solução do problema na conclusão.

Quais são os critérios de avaliação?

A Unesp define alguns critérios com a intenção de avaliar a redação dos candidatos. Por isso, é importante conhecê-los para que você esteja mais bem preparado e, assim, garanta um bom desempenho no vestibular. Os três critérios avaliados são os seguintes:

  • tema: é feita uma análise para averiguar se o candidato atende à temática proposta pela banca;
  • estrutura: é avaliado se o texto atende às características do tipo dissertativo. Além disso, verifica-se se as ideias apresentadas são coerentes, se o candidato sustenta a sua tese baseada em argumentos e como este foi organizado;
  • expressão: considera-se questões referentes à coesão textual e ao domínio da Língua Portuguesa. A banca examina se o candidato domina sintaxe, ortografia, morfologia, pontuação, além de analisar a escolha das palavras e o grau de formalidade ou informalidade que as palavras e expressões transmitem.

escrevendo redação unesp

Qual é a nota máxima da redação Unesp?

Como vimos, a nota máxima é 28 pontos. O aluno que seguir o tema proposto, construir o texto de forma adequada e pertinente ao tipo dissertativo, apresentar uma sólida argumentação, demonstrar domínio no tema proposto e da norma culta da Língua Portuguesa, conseguirá alcançar a pontuação máxima.

Por outro lado, há algumas hipóteses em que a sua redação pode ser zerada. Por isso, é importante evitar alguns erros. Entre eles estão:

  • fugir do tema e/ou do gênero proposto;
  • deixar a folha de redação em branco;
  • escrever em língua estrangeira;
  • apresentar letra ilegível ou incompreensível;
  • escrever em apenas 7 linhas ou menos (sem contar o título);
  • escrever o texto com cópias integrais de trechos da coletânea ou qualquer outra parte da prova.

Quais foram os últimos temas da redação Unesp?

Para ajudar você a ter uma ideia sobre como funciona a redação e quais são os tipos de temas da Unesp, listamos abaixo quais foram as últimas temáticas solicitadas no vestibular . Os últimos sete assuntos abordados foram:

  • 2018 – O voto deveria ser facultativo no Brasil?
  • 2017 – A riqueza de poucos beneficia a sociedade inteira?
  • 2016 – Publicação de imagens trágicas: banalização do sofrimento ou forma de sensibilização?
  • 2015 – O legado da escravidão e o preconceito contra negros no Brasil
  • 2014 – Corrupção no Congresso Nacional: reflexo da sociedade brasileira?
  • 2013 – Escrever: o trabalho e a inspiração
  • 2012 – A bajulação: virtude ou defeito?

Como fazer uma boa redação?

Existem algumas dicas que o ajudarão a fazer uma boa redação no vestibular da Unesp e, consequentemente, assegurar uma boa nota. Entre elas, estão o foco na proposta do tema e o desenvolvimento de uma argumentação bem fundamentada. Abordaremos sobre esses pontos na sequência. Acompanhe!

Foco na proposta do tema

Uma dos fatores cruciais ao fazer uma redação é seguir o tema proposto. É fundamental ler o enunciado com atenção, pois um dos principais motivos que levam os candidatos a zerarem a redação é justamente a fuga do tema proposto .

Isso pode parecer apenas um detalhe, no entanto, é determinante para a sua aprovação. Na maioria das vezes, a proposta de redação costuma aparecer em negrito no enunciado e, também, longos textos de apoio, o que contribui para confundir parte dos candidatos.

Eles são muito úteis e servem como inspiração para você fazer o seu texto, porém não esqueça de criar seus próprios argumentos.

Outra dica é fazer uma boa interpretação de texto, visando conectar o tema solicitado, a mensagem dos textos e dos gráficos inclusos na coletânea, com os argumentos utilizados na sua redação.

Argumentação bem fundamentada

Não há muitas novidades em relação ao gênero dissertativo-argumentativo. É necessário apresentar o seu ponto de vista sobre um determinado tema, fundamentando sua argumentação de forma coerente.

É possível utilizar exemplos, citações de especialistas sobre um determinado assunto, dados de pesquisas que tenha lido, dentre outros elementos, com a intenção de tornar o seu argumento mais embasado.

Conforme esclarecido, não é obrigatório expor uma proposta de resolução do problema na redação da Unesp. Você pode concluir o seu texto com o ponto de vista que apresentou no início.

A redação é um dos momentos decisivos do vestibular e, por isso, é temida por muitos candidatos. No entanto, basta seguir alguns passos para conseguir uma boa nota!

Curtiu nossas dicas sobre a redação Unesp? Então, conheça nosso banco de redações e treine cada vez mais! Conheça, também, o nosso plano de estudos e veja como poderemos ajudá-lo a alcançar seus objetivos! Cadastre-se grátis:

Campanha Always On Cronograma