Resultado do Enem 2020!

 

Tudo o que você precisa saber sobre o seu desempenho no exame!

 

Tudo sobre o resultado do Enem

Os estudantes passam o ano se preparando para fazer o Enem e, logo depois da prova, começa a ansiedade pelo dia em que sai o resultado do Enem.

Isso tudo porque a nota da prova segue o padrão da Teoria de Resposta ao Item (TRI), o que torna mais difícil saber qual será a nota final.

Você sabe o que fazer onde consultar o resultado do Enem e o que fazer com ele? Neste post completo vamos te contar tudo o que você precisa saber. Vamos lá?

Quem divulga o resultado do Enem?

Assim como a organização da prova, a divulgação do resultado do Enem é de responsabilidade do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, também conhecido como Inep.

Em parceria com o MEC, o Inep organiza o exame e fica responsável por divulgar o resultado da prova assim que as correções forem concluídas.

O resultado é divulgado no próprio site do Inep. Mais abaixo, iremos mostrar o passo a passo para você consultar a sua nota.

O resultado do Enem é calculado a partir do sistema de avaliação TRI, que deixa muitos estudantes confusos, especialmente quando comparam o número de acertos com outros candidatos que fizeram a prova.

Isso tudo porque as questões não têm o mesmo peso na prova, cada uma vale uma pontuação diferente, dependendo do grau de dificuldade percebido entre os participantes.

Como acessar o resultado do Enem?

Chegou o dia de descobrir o resultado do Enem. E agora, o que fazer? É bastante simples. Basta acessar o site do Inep e inserir o número do seu CPF e a senha cadastrada para conseguir visualizar o resultado da prova.

Algo bastante comum de acontecer logo que o resultado é divulgado é o site do Inep sobrecarregar e ficar fora do ar por algum tempo, deixando os estudantes ainda mais ansiosos. Mas, historicamente, o resultado é divulgado na data informada.

Como interpretar o resultado do Enem?

Você já estudou, fez a prova e conferiu o seu resultado. E agora? Como interpretar essa nota? Ela foi boa, foi ruim? Tenho chances de fazer o curso que tenho vontade na universidade em que quero estudar? Para tentar minimizar um pouco essa dúvida, nada melhor do que acompanhar o histórico de notas de corte do Sisu, do Prouni e do Fies.

Não é garantido que a nota de corte será mantida ao longo dos anos. Mas consultar o histórico passa um posicionamento médio de como foi o desempenho dos alunos aprovados nos anos anteriores.

A partir desse histórico da nota de corte, você tem uma base de comparação sabendo que ela pode oscilar para baixo ou para cima.

O que fazer com o resultado do Enem?

Desde 2009, o Inep e o MEC alteraram o formato da prova do Enem e passaram a utilizá-la como porta de entrada para universidades e instituições públicas de ensino.

Em muitos casos, a nota do Enem serve como único requisito necessário para o ingresso na faculdade. Algumas instituições fazem uso parcial dessa nota, ainda realizando provas específicas para a aprovação do estudante.

O estudante que participa do Enem consegue se inscrever em programas do governo federal que estimulam a entrada dos alunos no sistema superior de ensino.

É possível usar a nota do Enem em programas como o Sisu, o ProUni e o Fies. Também existe uma série de universidades em Portugal que aceitam a nota do Enem.

Sisu

Com a nota do Enem, o estudante pode se inscrever no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e tentar conquistar a vaga em uma das universidades ou instituições públicas de ensino que utilizam o Enem como forma de seleção para os seus cursos.

Veja também: os segredos da aprovação de Gustavo Luz, aprovado em 1º lugar em Direito na USP, pelo Sisu!

Prouni

Os estudantes que prestarem o Enem poderão se inscrever no Programa Universidade Para Todos (ProUni) e concorrer a bolsas de estudo integrais ou parciais (50%) para estudar em instituições privadas de ensino superior, em cursos de graduação e sequenciais de formação específica.

Fies

Quem fizer o Enem também pode usar a nota para se inscrever no Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e utilizar esse programa do Ministério da Educação para possibilitar o pagamento dos seus estudos.

Quando sai o resultado do Enem 2020?

Resultado Enem

A data de divulgação do resultado do Enem varia de um ano para o outro, mas geralmente é feita em janeiro, cerca de dois meses após o dia da prova. 

Como todos sabem, a grande novidade do Enem 2020 é a aplicação de provas digitais. A previsão para o resultado da prova digital é dia 21 de outubro e para as provas tradicionais em papel, para o dia 11 de novembro.

Uma dica importante: fique atento a cor da sua prova na hora de conferir o gabarito, ok? 

Que horas sai o resultado do Enem 2020?

Não existe um horário pré-determinado para a divulgação do resultado do Enem, mas, historicamente, ele é liberado a partir das 9h do dia informado.

O que esperar do Enem 2020?

Todo estudante fica bastante ansioso no ano em que vai prestar o Enem. Pensando em tentar ajudar a controlar um pouco da ansiedade estudantil, resolvemos dar uma olhada nas provas anteriores e fazer um apanhado de informações para tentar entender o que pode ser cobrado na prova deste ano.

As médias gerais do Enem subiram em todas as provas objetivas na edição de 2018, menos no caderno de Ciências da Natureza. A nota média foi a maior desde 2016.

No caso específico do caderno de Ciências da Natureza, a nota média dos estudantes caiu de 510,6 para 493,8. Já a média da redação caiu, apesar de o número de textos nota mil terem subido pela primeira vez desde 2014.

Para este ano, baseado nesse resultado de 2018, é esperado que a média do Enem apresente uma subida em todos os cadernos. Em Ciências Humanas, Linguagens e Matemática, a média deve ser superior aos 510 pontos. Já na Redação, a nota deve retomar o crescimento após a queda de 2018, e ficar acima dos 560 pontos.

Veja os últimos resultados do Enem

Últimos resultados Enem

Resultado do Enem em 2009

A edição de 2009 do Enem foi a 1ª com o novo formato e também já valendo como porta de entrada para universidades públicas do país. Por ser um formato novo, apresentou diversos problemas, antes, durante e depois da prova. O início do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) também foi conturbado.

Por ser o 1º ano em que as vagas de universidades públicas foram ofertadas aos estudantes por meio do resultado do Enem e inscrição no Sisu, muitas falhas aconteceram até que fosse possível chegar a um sistema eficiente.

Veja qual foi o resultado do Enem em 2009.

Caderno de Ciências da Natureza

Nota mínima: 263,3

Nota máxima: 903,2

Média: 572

Caderno de Ciências Humanas

Nota mínima: 300

Nota máxima:887

Média: 569

Caderno de Linguagens

Nota mínima: 224,3

Nota máxima: 835,6

Média: 563

Caderno de Matemática

Nota mínima: 345,9

Nota máxima: 985,1

Média: 562

Redação

Número de notas 1000: 2802

Média: 627

Resultado do Enem em 2010

Edição de 2010 foi marcada por uma série de falhas operacionais, que acabaram atrapalhando a organização da prova e também interferindo de forma negativa na percepção dos estudantes sobre o exame.

Chegou-se a cogitar a anulação da prova devido às falhas acontecidas, mas esse pedido não foi adiante e o Enem de 2010 continuou valendo normalmente.

Veja qual foi o resultado do Enem em 2010.

Caderno de Ciências da Natureza

Nota mínima: 297,3

Nota máxima: 844,7

Média: 541

Caderno de Ciências Humanas

Nota mínima: 265,1

Nota máxima: 883,7

Média: 595

Caderno de Linguagens

Nota mínima: 254

Nota máxima: 810,1

Média: 564

Caderno de Matemática

Nota mínima: 313,4

Nota máxima: 973,2

Média: 590

Redação

Número de notas 1000: 2365

Média: 633

Resultado do Enem em 2011

A percepção dos estudantes que prestaram o Enem em 2011 foi de que o caderno de Matemática apresentou as questões mais difíceis, com muitos gráficos a serem analisados. Além de ter cobrado muita interpretação de texto e cálculos.

A redação abordou o uso da internet e qual a relação entre as informações públicas e privadas.

Veja qual foi o resultado do Enem em 2011.

Caderno de Ciências da Natureza

Nota mínima: 265

Nota máxima: 867,2

Média: 526

Caderno de Ciências Humanas

Nota mínima: 252,6

Nota máxima: 793,1

Média: 529

Caderno de Linguagens

Nota mínima: 301,2

Nota máxima: 795,5

Média: 568

Caderno de Matemática

Nota máxima: 321,6

Nota mínima: 953

Média: 606

Redação

Número de notas 1000: 3694

Média: 633

Resultado do Enem em 2012

Na edição de 2012 do Enem a maior dificuldade apontada pelos estudantes que fizeram a prova foi o caderno de Matemática. A expectativa era grande pelo tema da redação e sua possível dificuldade, mas falar sobre “O movimento imigratório para o Brasil do século XXI” pareceu tarefa mais simples.

Veja qual foi o resultado do Enem em 2012.

Caderno de Ciências da Natureza

Nota mínima: 303,1

Nota máxima: 864,9

Média: 525

Caderno de Ciências Humanas

Nota mínima: 295,6

Nota máxima: 874,9

Média: 570

Caderno de Linguagens

Nota mínima: 295,2

Nota máxima: 817,9

Média: 533

Caderno de Matemática

Nota mínima: 277,2

Nota máxima: 955,2

Média: 593

Redação

Número de notas 1000: 2802

Média: 579

Resultado do Enem em 2013

A prova do Enem de 2013 passou a ser mais conteudista e começou a cobrar bastante matéria vista pelos estudantes durante o Ensino Médio. Em anos anteriores, as questões eram mais interpretativas e cobravam mais cultura geral dos candidatos.

Com adesão cada vez maior de universidades e instituições de ensino público ao Enem como porta de entrada para os estudantes, mais o exame se adapta ao formato dos vestibulares para selecionar os alunos de forma consistente.

Veja qual foi o resultado do Enem em 2013.

Caderno de Ciências da Natureza

Nota mínima: 311,5

Nota máxima: 901,3

Média: 525

Caderno de Ciências Humanas

Nota mínima: 299,5

Nota máxima: 888,7

Média: 568

Caderno de Linguagens

Nota mínima: 261,3

Nota máxima: 813,3

Média: 536

Caderno de Matemática

Nota mínima: 322,4

Nota máxima: 971,5

Média:

Redação

Número de notas 1000: 481

Média: 593

Resultado do Enem em 2014

A edição de 2014 foi marcada por uma forte queda no desempenho dos estudantes na redação do Enem. O tema da redação foi a publicidade infantil, menos debatido ao longo do ano, acabou causando uma queda de 9,4% na média da nota na comparação com a edição de 2013.

Veja qual foi o resultado do Enem em 2014.

Caderno de Ciências da Natureza

Nota mínima: 330,6

Nota máxima: 876,4

Média: 537

Caderno de Ciências Humanas

Nota mínima: 324,8

Nota máxima: 862,1

Média: 591

Caderno de Linguagens

Nota mínima: 306,2

Nota máxima: 814,2

Média: 552

Caderno de Matemática

Nota mínima: 318,5

Nota máxima: 973,6

Média: 550

Redação

Número de notas 1000: 250

Média: 598

Resultado do Enem em 2015

A edição de 2015 do Enem foi considerada uma das mais difíceis pelos estudantes após a mudança da prova, em 2009. As questões apresentadas no caderno de Ciências da Natureza tinham muito mais conteúdo do que o padrão usado pela prova até então.

O caderno de Matemática também apresentou dificuldade mais alta e cobrou bastante conteúdo. Já os cadernos de Linguagens e Ciências Humanas seguiram o padrão dos anos anteriores.

Veja qual foi o resultado do Enem em 2015.

Caderno de Ciências da Natureza

Nota mínima: 334,3

Nota máxima: 875,2

Média: 530

Caderno de Ciências Humanas

Nota mínima: 314,3

Nota máxima: 850,6

Média: 599

Caderno de Linguagens

Nota mínima: 302,6

Nota máxima: 825,8

Média: 549

Caderno de Matemática

Nota mínima: 280,2

Nota máxima: 1008,3

Média: 545

Redação

Número de notas 1000: 104

Média: 626

Resultado do Enem em 2016

A edição de 2016 do Enem apresentou questões mais complexas nas matérias de física e matemática. Além disso, a prova deu bastante destaque para questões de filosofia e sociologia.

As questões de matemática seguiram os padrões de vestibular, cobrando mais conteúdo. Português trouxe questões consideradas mais fáceis pelos estudantes e trouxe o tema intolerância religiosa para o desenvolvimento da redação.

Veja qual foi o resultado do Enem em 2016.

Caderno de Ciências da Natureza

Nota mínima: 316,5

Nota máxima: 871,3

Média: 534

Caderno de Ciências Humanas

Nota mínima: 317,4

Nota máxima: 859,1

Média: 581

Caderno de Linguagens

Nota mínima: 287,5

Nota máxima: 846,4

Média: 560

Caderno de Matemática

Nota mínima: 309,7

Nota máxima: 991,5

Média: 558

Redação

Número de notas 1000: 77

Média: 633

Resultado do Enem em 2017

A edição de 2017 do Enem trouxe questões bastante conteudistas e seguindo um padrão já adotado pela prova em outros anos, de muita interdisciplinaridade entre as questões apresentadas.

A prova contou com muitas questões interdisciplinares e contextualizadas, mas que permitiam facilmente ao estudante identificar de qual matéria era cada pergunta. A redação nesta edição trouxe o tema sobre as dificuldades e desafios na educação de pessoas surdas no Brasil.

Veja qual foi o resultado do Enem em 2017.

Caderno de Ciências da Natureza

Nota mínima: 298

Nota máxima: 885,6

Média: 510

Caderno de Ciências Humanas

Nota mínima: 307,7

Nota máxima: 868,3

Média: 519

Caderno de Linguagens

Nota mínima: 299,6

Nota máxima: 788,8

Média: 510,2

Caderno de Matemática

Nota mínima: 310,4

Nota máxima: 993,9

Média: 518

Redação

Número de notas 1000: 53

Média: 558

Resultado do Enem em 2018

A edição de 2018 apresentou queda na média das redações, mas também teve um número maior de estudantes com nota 1000. Foi considerada uma prova mais fácil que a edição de 2017, seguindo o padrão da interdisciplinaridade e textos longos.

Veja qual foi o resultado do Enem em 2018.

Caderno de Ciências da Natureza

Nota mínima: 362,5

Nota máxima: 869,6

Média: 493,8

Caderno de Ciências Humanas

Nota mínima: 387,2

Nota máxima: 850,4

Média: 569,2

Caderno de Linguagens

Nota mínima: 318,8

Nota máxima: 816,9

Média: 526,9

Caderno de Matemática

Nota mínima: 360

Nota máxima: 996,1

Média: 535,5

Redação

Número de notas 1000: 55

Média: 522,8

Gabaritos do Enem

Reunimos em um único lugar os gabaritos das edições entre 2012 e 2017. Confira e prepare-se para o grande dia!

Veja os gabaritos do Enem de 2012 a 2017:

Agora que você já sabe como foram as edições anteriores, cadastre-se gratuitamente no Stoodi e prepare-se para a prova!